Vemos uma empresa com controle de processos judiciais.
Publicado em 23 de maio de 2022

Veja como otimizar o controle de processos judiciais!

A desorganização é um dos principais problemas enfrentados em escritórios de advocacia. Imagine um advogado, cheio de prazos para cumprir não entregar determinado documento por causa disso. Dessa forma, é essencial que o escritório tenha soluções para otimizar os procedimentos e tarefas realizadas internamente. Com isso, haverá além de organização, mais produtividade por parte de todos da equipe. No artigo de hoje, te explicamos então, como otimizar o controle de processos judiciais. Continue a leitura e confira!

Como otimizar o controle de processos judiciais?

1 – Mantenha informações padronizadas e organizadas

Dezenas e até centenas de processos por mês passam nas mãos dos advogados de um escritório jurídico. Imagine se cada profissional criar suas próprias regras para guardá-los. Por isso, deve-se encontrar formas de simplificar o cadastramento de informações. Se preferir, crie categorias para ajudar. A padronização ajuda a encontrar os dados de forma mais rápida e precisa, ajudando assim, a manter o controle dos processos judiciais.

2 – Não deixe de fazer a integração de dados

É um desafio integrar todas as informações de forma clara e organizada. Dessa forma, vão se criando planilhas com fluxos e objetivos iguais sem necessidade. E justo na hora que se faz necessário, os dados não estão disponíveis. Sem falar na perda de tempo para uma maior para análise das informações. A dica aqui é para automatizar dados. Tudo que pode ser facilitado por tecnologias, assim deve ser feito.

3 – Controle tarefas e prazos

O cliente sempre tem pressa para resolver seus problemas e se você perde um prazo, pode acarretar em ainda mais demora para ele e prejuízos para a própria empresa.

Portanto, é de suma importância que seja feito um acompanhamento das demandas e processos. Em outras palavras, os gestores precisam ter em mãos todas as atividades da empresa como prazos, detalhamento de ações, órgão e a instância, por exemplo.

4 – Calcule os prazos processuais

A quarta dica para ter mais controle dos processos judiciais é calculando os prazos. E, mais uma vez, isso pode ser feito de forma automática e segura ao mesmo tempo de forma virtual. A contagem de prazos processuais diminui a chance do erro dentro do escritório. Você também pode usar calculadoras jurídicas que operam de acordo com as regras de todos os Códigos Penais.

5 – Tenha um bom software de gestão

Contratar pode trazer diversas vantagens. Se você tem demanda processual, precisa contar com ajuda automatizada de um software. Ele ajuda a manter as entregas e prazos em dia. Um software de controle de processos judiciais ainda pode ajudar com:

  • a organização de dados e ferramentas em um só lugar;
  • a gestão de processos;
  • a eliminação de processos repetitivos e manuais;
  • a otimização do tempo dos profissionais;
  • o registro dos clientes;
  • o alerta sobre eventos importantes;
  • o crescimento da produtividade;
  • o acesso a qualquer lugar e momento;
  • a redução de custos.

Conheça o Gerpro!

Achou interessante esse artigo de como fazer o controle de processos judiciais? Conte com o Gerpro! Trazemos diversas soluções para lhe ajudar nessa tarefa.

O Gerpro é um software jurídico que oferece muitas funcionalidades para advogados e departamentos jurídicos.

Quer conhecer mais sobre o nosso software de gestão de processos judiciais? Fale conosco. Estamos aguardando seu contato!